Mineiro CoinHive Trojan - Como remover?

 

O Trojan CoinHive refere-se a um mineiro JavaScript que foi criado para minar a criptomoeda Monero. Minar não é considerado ilegal quando é feito com autorização, mas os criminosos cibernéticos decidiram explorar este método de monetização de formas ilegais. Ao injetar secretamente códigos em websites e distribuindo mineiros em utilizadores que não tenham concordado com a participação na exploração mineira, a atividade do CoinHive torna-se injusta. Ainda em 26 de Setembro, notou-se que dois websites da Showtime incluíam códigos JavaScript embebidos, tornando os computadores dos seus clientes em minas de Monero. O mineiro Vatico também foi criado para aumentar os lucros na criptomoeda Monero.

O monero é uma criptomoeda relativamente nova quando comparada com a Bitcoin (a primeira) e Etherium. Ela tenta apenas resolver o problema de anonimidade do pagamento e da Carteira. Ainda que não existam formas de descobrir o rasto ao dono de uma carteira até ele ou ela tentarem trocar dinheiro ou realizar operações através de uma rede insegura, o tamanho das carteiras e das transações pode ser registado. O Monero tenta ser completamente anónimo e é muito mais difícil julgar o tamanho da carteira virtual. Mais informação sobre o Monero está disponível em Monero website.

Como acontece com todas as criptomoedas, o Monero assenta nos computadores realizarem computações especiais para tornarem a rede segura. Estas computações são chamadas mineração para abreviar. O que é especial no Monero é que as computações não requerem hardware especial para serem eficientes como é o caso com as Bitcoins. Assim, a mineração de Monero pode ser feita em PCs normais e pode também ser implementada em navegadores web.


CoinHive Miner Trojan

CoinHive Trojan mina Monero sem a permissão do dono do PC

Não é novidade que as criptomoedas estão a ser exploradas: este investimento é capaz de gerar lucros (A beginners guide to mining). Muitos utilizadores, especialmente piratas informáticos, sentem uma corrida ao ouro. Já investigámos Trojans como BitCoinMiner e BCMiner que eram visados a minar a criptomoeda bitcoin. Ainda que este último sistema monetário continue a ser vastamente explorado, novos sistemas de pagamento continuam a ser apresentados. por exemplo, o Monero é indicado como o serviço mais anónimo.

A ferramenta de mineração CoinHive Trojan é definitivamente uma das tecnologias inovadoras (CoinHive features). Começou como um substituto para sistemas publicitários em websites. Em vez de ter de ver anúncios irritantes, os visitantes de certos domínios são convidados a emprestar alguns dos recursos do seu CPU. Ainda que o conceito seja relativamente esperto, os criadores do mineiro CoinHive não anteciparam que os piratas informáticos se apressassem a tirar vantagem desta biblioteca JavaScript.

Recentemente, foi notado que a extensão extensão do Chrome SafeBrowse transmite CoinHive a utilizadores incautos. Felizmente, os utilizadores repararam que as percentagens dos recursos do CPU explorados tinham sido suspeitamente aumentadas. Foi a primeira extensão de navegadores a iniciar a mineração, mas prevemos que não seja a última. Por isso, é perturbador que os piratas informáticos possam gerar lucros dos recursos de CPU dos utilizadores. Isto pode levar a sistemas operativos mais lentos uma vez que algumas atividades de fundo irão consumir constantemente uma grande quantidade de recursos do CPU.

Apesar de alguns utilizadores estarem apenas agora a ouvir falar do Trojan CoinHive ou outros mineiros enganadores, eles têm estado muito ativos desde 2017. Os utilizadores devem educar-se sobre as técnicas de “criptopirataria” que foram aplicadas aos websites da Showtime (Showtime mined Monero). Não estaria certamente interessado em gerar Monero para piratas informáticos que definitivamente não merecem receber quaisquer lucros. Alguns AdBlockers podem até ter bloqueado bibliotecas do mineiro CoinHive para impedir a sua atividade. Adicionalmente, deve regularmente verificar os recursos do CPU. Isto pode ser feito abrindo o Gestor de Transferências. Além disso, há mais recomendações que o ajudarão a determinar se se tornou parte de uma operação de cripto-mineração secreta (How can you tell if your computer is secretly mining?).

Como evitar mineiros de criptomoedas indesejados?

Reparámos que alguns deles podem vir com freeware empacotado. Durante o processo de instalação, certifique-se de que não lhe sugerem minar Bitcoins, Monero ou outro tipo de dinheiro digital. Adicionalmente, tente visitar apenas websites legítimos para que o seu sistema operativo não comece a sofrer contratempos derivados da utilização excessiva de recursos do CPU. Contudo, uma vez que até domínios respeitáveis podem incorporar JavaScripts suspeitos, evitar mineiros pode tornar-se mais difícil. A única maneira de saber de certeza é verificar os seus recursos do CPU ou analisar registos de AdBlockers. Talvez as bibliotecas CoinHive tenham sido bloqueadas.

Para manter o seu sistema operativo livre de malware, recomendamos que execute um exame com Reimage. Ele irá ajudá-lo a remover todas as ameaças maliciosas. O CoinHive Trojan pode também ter muitos outros sintomas, como o reparar que o seu computador está constantemente a ligar-se a coin-hive.com/lib/coinhive.min.js. Se também reparar nesta atividade, por favor verifique a pasta “Roaming” que pode conter o mineiro. Após isso, execute um exame com uma ferramenta anti-malware para se certificar que a mineração para.

Ferramentas para remoção automática de Mineiro CoinHive Trojan

 
  Baixar Reimage para CoinHive Miner Trojan detecçãoNota: julgamento Reimage fornece detecção de parasita como CoinHive Miner Trojan e auxilia na sua remoção de forma gratuita. Você pode remover os arquivos detectados, processos e entradas de registro você mesmo ou comprar uma versão completa.
  We might be affiliated with some of these programs. Full information is available in disclosure           
     

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *